Notícias

Postado às 12h15 | 20 novembro 2020 |

OPOSIÇÃO E ONGS TENTAM IMPOR PLANO LULA AO GOVERNO

Uma espécie de “internacional socialista” saiu das catacumbas para se juntar a ONGs, que perderam o dinheiro fácil dos governos do PT a e influência, para usar o Supremo Tribunal Federal (STF) a fim de impor a “política ambiental” que atende a seus interesses. Querem usar o STF em um golpe para obrigar o governo federal a seguir o Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal, criado pelas ONGs para o governo Lula e arrastado até o governo Temer.

PT, PCdoB, PSB, Psol, PV, PDT e Rede, aliado do STF, se uniram a dez ONGs, incluindo estrangeiras, para na prática assumirem o governo.

O grupo se aproveita da bandeira ambiental e aponta “tragédia” em 2019 e 2020. O auge do desmatamento, ignorado na ação, foi 1995 e 2004.

Em 2004, governo Lula, o auge da destruição da Amazônia registrou 27,8 mil km2 de desmatamento. A “tragédia” de 2019, teve

A Ação de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) tem 153 páginas, dez das quais são usadas para “qualificar” as partes.

​ ​