Notícias

Postado às 09h15 | 15 janeiro 2021 |

Educandário Jesus Menino apresenta novidades para o ano letivo 2021

O Educandário Jesus Menino (EJM), referência em educação confessional de crianças e adolescentes em Currais Novos (RN), está com novidades para o ano letivo 2021. O objetivo é tornar a sala de aula cada vez mais moderna e atual, além de trazer os pais para vivenciar de forma mais próxima a rotina escolar.
 
“As inovações apresentadas pela escola fortalecem toda a comunidade escolar e potencializam o aprendizado. Nosso objetivo é aprimorar a formação de pais e estudantes, fazendo com que ela atenda às necessidades de um mundo cada vez mais moderno e consciente”, avalia a diretora, Irmã Marilda Oliveira Tavares.
 
Na Sala Maker, os alunos do EJM contarão com máquina de corte a laser e impressora 3D, além do uso do Arduino, kit Lego Mindstorms, kit Mpie, kit Mcookie e o robô Humanóide Nao. Durante as aulas, os estudantes vivenciarão a aplicação das tecnologias no cotidiano, estimulando a autonomia, a colaboração e a criatividade para torná-los cada vez mais protagonistas na construção de novos conhecimentos. As aulas serão ministradas pela equipe da Robô Ciência, empresa reconhecida nacionalmente por usar o ensino da robótica como ferramenta de aprendizagem para crianças e adolescentes.
 
Já a abertura de vagas para as primeiras turmas do nível 1, na Educação Infantil, reflete o compromisso do Educandário Jesus Menino em oportunizar o desenvolvimento emocional e cognitivo dos pequenos a partir de um ano de idade.
 
No projeto Escola para Pais, o Educandário propõe expandir o compromisso de orientá-los, para que sintam-se capazes de educar e inferir no caminhar dos seus filhos, reforçando a parceria entre família e escola com encontro mensais. Com o apoio das Escolas da Província Nossa Senhora das Neves (Proneves), a iniciativa será executada por uma equipe multidisciplinar, composta por assistente social, psicólogos, pedagogos e profissionais do Serviço de Educação Religiosa (SER).
 
“O intuito é alcançar uma maior aproximação com as famílias de nossos alunos, pois entendemos que, enquanto instituição, podemos promover aos pais e ou responsáveis o desejo de buscar novas formas e caminhos para conquistar êxito na formação de valores essenciais para a humanidade”, frisa a assistente social Estelita Cabral.

​ ​