Notícias

Postado às 15h30 | 10 dezembro 2020 |

Como escolher a escola do seu filho?

Escolher ou mudar de escola são processos que exigem dedicação e paciência, afinal, será o lugar de desenvolvimento do seu filho ao longo de vários anos. O que desejo para a educação dele? Qual o material ofertado e quais são os diferenciais que procuro na escola? E em relação à mensalidade e à mobilidade, quais os limites? Esses são alguns dos vários questionamentos que são levantados neste processo.
 
O primeiro passo é fazer uma lista. É essencial que se tenha em mente quais as características que você deseja que estejam presentes na formação do futuro do seu filho. Sabe as perguntas que fizemos inicialmente? É hora de idealizar e responder elas nesta lista.
 
Agora vamos às pesquisas pela internet. Busque escolas de interesse, navegue pelo site da instituição e os perfis nas redes sociais. Nesta busca já é possível avaliar alguns critérios da lista e eliminar algumas possibilidades. A escola é transparente em relação ao tipo de ensino ofertado e mostra o dia a dia dos estudantes? Esta é uma boa pergunta a ser analisada.
 
Existem mais alguns pontos que precisam ser analisados antes de tomar a decisão, como a sintonia entre a escola e a família, linha de ensino seguida pela escola, referências sobre a instituição, adaptação à tendências futuras e projetos e, um dos pontos muito importante hoje em dia, o trabalho socioemocional na vida dos estudantes. A vice-diretora do Colégio Nossa Senhora das Neves, em Natal/RN, Adalgiza Pereira, explica que a decisão da escolha da escola não é apenas do pais, mas também dos filhos que irão para a instituição. "Para cada ideal de família, existe um modelo de escola, e a gente escolhe as escolas para nossos filhos de acordo com os princípios que regem a nossa estrutura familiar", complementa.
 
Com o contexto da pandemia ainda em curso, as escolas estão investindo no aprimoramento de metodologias que atendam às necessidades e direitos de aprendizagem com ênfase no ensino híbrido. Ao mesmo tempo, precisam estar atentas aos direcionamentos curriculares previstos na agenda do Ministério da Educação, como o processo de implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) já iniciado por muitas instituições, além do Novo Ensino Médio.
 
O Colégio das Neves proporciona há 88 anos uma educação completa, oferecendo tradição, inovação, competência espiritual e protagonismo do estudante. Com Berçário, que recebe bebês a partir de 4 meses, Tempo Integral, Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio, o foco do Neves é a formação integral do aluno, preparando-o para a vida pessoal, acadêmica e profissional, por meio de uma equipe pedagógica e de um corpo docente capacitados, além de uma infraestrutura de ponta.
 
Os aspectos pedagógicos têm sido o foco das ações estratégicas na instituição, para que se possa resgatar aprendizagens, redimensionar os impactos da pandemia na vida escolar dos estudantes e oferecer oportunidades de aprendizagem de formas diversificadas e inovadoras vislumbradas pelas novas tendências educacionais. "Isso tudo sem perder de vista os valores e os pilares da educação segundo o carisma de suas fundadoras, as Filhas do Amor Divino, cujo lema incide na formação de sujeitos comprometidos com o uso responsável do conhecimento em favor da vida", afirma Adalgiza.
 
A escola conta com um programa bilíngue que acontece através da parceria com a renomada International School, oferecendo uma proposta inovadora que permite ao aluno aprender inglês de forma contextualizada, dinâmica e interdisciplinar, por meio de metodologias ativas e recursos tecnológicos diversos.
 
A Robótica Educacional, com a Robô Ciência, também faz parte da grade levando para o cotidiano dos estudantes o avanço científico e tecnológico que acontece a todo instante. Para o Ensino Fundamental e Médio, o Neves segue com a parceria da Plataforma SAS, uma das mais importantes do país, que oferece um material didático com conteúdo atualizado.
 
Além disso, também trabalha o Socioemocional através da Escola da Inteligência, que dissemina a importância da valorização do emocional e de comportamentos éticos. E por fim, oferece apoio pedagógico para formação contínua dos profissionais de educação e acompanhamento psicológico para os estudantes e a família.

​ ​